Continuo a tatear as palavras. Furia imensa para escrever, milhares de idéias querem aflorar de minha mente, porém o véu do sono no momento se torna muito mais forte que eu. Parei de escrever esses dias, não por falta de tema e sim por falta de tempo. Quem sabe amanhã de manhã eu acorde com as idéias mais organizadas e a cabeça mais descansada. Não gosto de expor minha escrita quando esta acontecendo muita coisa ao mesmo tempo e eu não consigo reconhecer o que há dentro de mim e o que valhe a pena ser derramado sobre o papel, aqui neste caso o blog. (risos) Mas vou tentar voltar assim que puder. Prometo! Boa Noite e até mais ver.

Anúncios